Translator

Google-Translate-ChineseGoogle-Translate-Portuguese to FrenchGoogle-Translate-Portuguese to GermanGoogle-Translate-Portuguese to ItalianGoogle-Translate-Portuguese to JapaneseGoogle-Translate-Portuguese to EnglishGoogle-Translate-Portuguese to RussianGoogle-Translate-Portuguese to Spanish

domingo, 30 de outubro de 2016

Atemporal

Osmar J. Santos

Parece mesmo muito pouco importar
quanto tempo passou desde a última vez.
É como se o vento sempre trouxesse de volta
um inverno que nunca passou.

domingo, 16 de outubro de 2016

Poeme-se

Osmar J. Santos

Torne poema tudo quanto puder.
A vida tratará de devolver-te em poesia.


sexta-feira, 7 de outubro de 2016

Amar, amar mesmo

Osmar J. Santos

Amar,
amar mesmo,
é bagunçar o outro.

E sobretudo, 
deixar que o caos alheio também te 
desorganize. 

Da saudade que ainda se sente

Osmar J. Santos

E de tudo que era,
fez-se distância, apenas.
e o tempo não foi o culpado.